As Comissões de Negociação do SINPAF e da Codevasf se reuniram, durante toda esta sexta-feira (29/6), na terceira rodada do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2018/2019, quando foi prorrogado o ACT vigente por mais 30 dias.

A empresa, porém, ainda não apresentou nenhum índice para o reajuste salarial, alegando não ter obtido autorização da Secretaria de Coordenação e Governança (Sest), mas se mantem disposta a continuar as negociações das cláusulas sociais.

No início da reunião, o presidente do SINPAF, Carlos Henrique Garcia, aproveitou a oportunidade para registrar em ata a afirmação do representante da Sest, em reunião com os sindicatos de trabalhadores em empresas estatais no Ministério do Planejamento em 7 de junho, de que não existe orientação do governo para retirada de direitos dos Acordos Coletivos dos trabalhadores em empresas públicas. [Saiba mais]

Nesta rodada de negociação foram acordadas mais quatro cláusulas completas, totalizando 29 cláusulas negociadas das 64 previstas na pauta de reivindicação do SINPAF.

Clique aqui e leia a ata