Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário

SINPAF solicita à Codevasf reabertura da Mesa Permanente de Negociação

24 de janeiro de 2017

A Diretoria Nacional do SINPAF reuniu-se, nesta segunda-feira (23/1), com a presidente da Codevasf, Kênia Marcelino, e o gerente de Recursos Humanos (RH), Adalberto Marques, para apresentar a nova gestão do Sindicato e cobrar um diálogo mais permanente com a empresa, o que inclui a reabertura da Mesa Permanente de Negociação (MPN).

De acordo com o presidente do SINPAF, Carlos Henrique Garcia, o Sindicato deseja participar mais das relações diárias da instituição, para o desenvolvimento de esforços conjuntos e, consequentemente, do fortalecimento dos trabalhadores e da Codevasf, que tem grande importância para a sociedade.

A presidente da Codevasf lembrou que também é sindicalizada e defende a participação do Sindicato nas relações da empresa. “Temos que fazer uma Codevasf mais forte. Além da pauta comum aos trabalhadores, é importante discutirmos também questões estruturais”, disse.

Na reunião, Kênia Marcelino comunicou, ainda, que a Codevasf tem total interesse na retomada da Mesa Permanente de Negociação e que aguarda pela indicação dos membros que representarão os trabalhadores.

Além disso, a presidente da Companhia destacou que os relatórios financeiro e patrimonial da empresa estarão sempre que solicitados à disposição do Sindicato, pois entende a importância de promover a transparência dessas informações para os empregados.

Para adiantar os trâmites legais da constituição da mesa, no mesmo dia o SINPAF encaminhou à Codevasf os nomes de três titulares e três suplentes para compor a mesa e aguarda que a primeira reunião seja agendada o mais breve possível.

 

ACT, PCS e PDI – Durante a reunião, o presidente do SINPAF ressaltou a necessidade de iniciar, ainda no mês de janeiro, as negociações da pauta de reivindicação do ACT 2017-2018, a retomada do debate acerca de uma possível proposta de Plano de Demissão Incentivada (PDI) e a reformulação do Plano de Cargos e Salários (PCS).

Sobre o Acordo Coletivo, o gerente de RH da Codevasf, Adalberto Marques, disse que aguarda apenas a sinalização do governo para iniciar as negociações, mas que seria possível já iniciar algumas conversas com o SINPAF para estabelecer a dinâmica das negociações.

Em relação ao PDI, a presidente da empresa reafirmou que já está em análise pelo RH um projeto, mas somente será possível avançar se o governo federal autorizar a realização de concurso público para garantir o quadro técnico necessário para o funcionamento da empresa.

Quanto ao PCS, o gerente de RH, Adalberto Marques, comunicou ao Sindicato que um novo Plano encontra-se em estudo. Vale lembrar que o SINPAF enviou à Codevasf um conjunto de propostas para aperfeiçoamento do PCS e, segundo Adalberto, esse projeto do Sindicato também será avaliado.

 

NORMA DE REALOCAÇÃO – Kênia Marcelino informou ao SINPAF que a norma de realocação dos empregados está em fase de conclusão, em virtude da grande quantidade de solicitações de transferências. O presidente do Sindicato, porém, solicitou que a empresa elabore a norma em conjunto com o SINPAF e com todos os empregados.

“Não adianta passar a norma pronta para a categoria. Tem que haver a participação de todos”, disse Carlos Henrique. Kênia, então, pediu ao gerente de RH que compartilhasse a minuta do documento com o SINPAF, que deverá encaminhar para a categoria analisar e enviar sugestões.

 Participaram da reunião, pelo SINPAF: o presidente Carlos Henrique Garcia, a diretora Administrativo-financeira, Guiomar Rodrigues; o diretor Regional Nordeste, Robert Ibiapina; o diretor de Políticas Sociais e de Cidadania e atual presidente da Seção Sindical Codevasf Penedo, Jimy Carter; e a presidente da Seção Sindical Codevasf Teresina, Geandra Ribeiro.

Pela Codevasf, participaram a presidente Kênia Marcelino; o gerente de RH, Adalberto Marques; e a chefe de Gabinete da presidência, Lucianita Ribeiro Dayrell; e a gerente da área de administração, Sheila Santos.

 Foto: Comunicação SINPAF/DN

Leia mais