Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário

SINPAF pelo Brasil visita a Região Nordeste

25 de julho de 2022

O projeto SINPAF pelo Brasil visitou a primeira etapa da Região Nordeste passando pelas Seções Sindicais: Embrapa Teresina, Codevasf Teresina, Parnaíba, Caprinos e Fortaleza. Na comitiva estavam o presidente do sindicato, Marcus Vinicius Sidoruk Vidal, o diretor da Região Nordeste, Afonso Abreu e o presidente da Seção Sindical Teresina, Maurício Castelo Branco. 

A viagem tem como objetivo conversar com a categoria, tirar dúvidas e explicar como tem sido as negociações dos acordos coletivos de trabalho. Outro tema que compõe a pauta dos encontros é o processo de desmonte da Embrapa.

Na segunda-feira (18), os representantes do sindicato foram recebidos com assembleias realizadas nas seções sindicais de Teresina: Embrapa e Codevasf.

Na parte da manhã, os trabalhadores e trabalhadoras da Embrapa Meio-Norte participaram do debate sobre as ações de desmonte, que têm ocorrido por meio do Projeto Transforma Embrapa.  

O pesquisador Eugênio Emérito, que acompanhou a assembleia, observa que no projeto proposto pela empresa não há sustentação.

“Contrataram empresas privadas para a modificação do sistema da Embrapa, sem consulta interna. Não houve um edital aberto para contratação das empresas de consultoria, foi feito um processo fechado e sem transparência”, explica.  

 A seção Codevasf Teresina também recebeu os diretores do SINPAF, que tiraram dúvidas sobre o ACT, que já foi acordado. Na ocasião, a categoria teve a oportunidade de entender os motivos pelos quais a maioria das seções escolheu aceitar a proposta da empresa.

 

Parnaíba, a Seção Sindical que provou seu valor

Nesta terça-feira (19), a Diretoria Nacional do SINPAF esteve na seção sindical Parnaíba. A unidade, que recentemente foi ameaçada de encerrar suas atividades, recebeu a comitiva, em tom de comemoração pela vitória dos trabalhadores da seção, que conseguiram vencer as tentativas de desmonte da unidade.

O supervisor técnico recebeu o presidente do sindicato e reconheceu a atuação assertiva do sindicato nesse processo.

De acordo com Raimundo Júnior, vice-presidente da Seção Sindical Parnaíba, foram tempos muito difíceis, pois a UEP-Parnaíba, apesar da sua grande importância para o desenvolvimento da região Meio-Norte do Brasil, sofreu um desmonte do seu quadro de empregados e das suas atividades. “Tivemos uma batalha que se iniciou em 2016, quando os empregados foram obrigados a mover ações judiciais em defesa da unidade e para manutenção dos seus direitos. Felizmente, todas as ações julgadas até o momento, em todas as instâncias, tiveram êxito e o desmonte da UEP não se concretizou”, afirma.  

Ainda segundo Raimundo Júnior, essa vitória só foi possível porque muitas frentes se envolveram nesse processo como os empregados lotados na UEP, as Diretorias local e nacional do SINPAF, a Câmara Municipal e a Prefeitura de Parnaíba, o Governo do Estado do Piauí, os empresários locais, senadores, deputados federais e estaduais, assessoria jurídica, o Distrito de Irrigação Tabuleiros Litorâneos do Piauí (DITALPI), a Associação Comercial de Parnaíba e os coletivos de luta sindical. 

“Foi uma grande vitória para o país como um todo.  Hoje, a realidade é outra. Uma nova Chefia assumiu a gestão do CPAMN, e com ela o fantasma do desmonte foi definitivamente enterrado. Atualmente, temos em nossa unidade uma gestão que dialoga de forma clara e respeitosa com a representação sindical e respeita os empregados. O clima de harmonia e tranquilidade retornou e deve refletir nos resultados e cumprimento de nossa missão”, completa. 

Segundo o Supervisor de Campos, Pedro Neves, a articulação política feita pelo SINPAF foi importante para dar visibilidade à unidade.

“Aqui temos polos importantes de fruticultura, bovinocultura, e isso representa oportunidades de geração de empregos e exportação de agroindústria, a partir das tecnologias desenvolvidas”, ressalta o supervisor.

 

Ceará encerra primeira etapa de visitas no Nordeste

Na quarta-feira (20), a Diretoria Nacional do SINPAF chegou no Ceará.

A seção sindical Caprinos, localizada no município de Sobral, fez uma assembleia para receber o presidente do SINPAF.

A categoria tirou as dúvidas sobre as negociações do acordo coletivo da empresa, que ainda estão em andamento, e conversou sobre o projeto de desmonte da Embrapa.

Para o assistente Othon Studart, “essa visita foi esclarecedora”, pois geralmente os trabalhadores só escutam o lado da diretoria da empresa e com essa oportunidade puderam ouvir também o lado do sindicato.

A semana encerrou com a visita na sede da Embrapa Agroindústria Tropical, localizada em Fortaleza.

Os trabalhadores e trabalhadoras aproveitaram a presença do presidente do SINPAF, para tirar dúvidas sobre questões como o plano de saúde Casembrapa, as normas para o teletrabalho e os processos de Plano de Desenvolvimento Individual (PDI).

 

Nesta semana o SINPAF pelo Brasil continuará viajando pela Região Nordeste. 

 

Leia mais