Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário

SINPAF emite nota de repúdio à Embrapa pela ação autoritária

11 de outubro de 2022

O SINPAF enviou uma nota de repúdio à Diretoria da Embrapa, nesta terça-feira (11), por ter chamado a Polícia Militar para impedir que dirigentes sindicais conversassem com trabalhadores e trabalhadoras nas instalações da sede da empresa, em Brasília. O ocorrido se deu na última sexta-feira (7) durante o ato pacífico NÃO ENGULA SAPo.

A manifestação, organizada pelo Sindicato, aconteceu enquanto as Comissões de Negociação do SINPAF e da Embrapa negociavam a proposta do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2022-2023.

Em um ato antidemocrático e antissindical, a diretoria da empresa colocou os seus seguranças para impedir que os sindicalistas panfletassem sobre a negociação nas dependências da empresa.

Além disso, chamou a Polícia Militar para circular dentro da empresa em clara ação truculenta de intimidação às trabalhadoras e aos trabalhadores que se manifestavam pacificamente em assembleia.

Esta atitude arrogante e autoritária da Gestão Moretti macula a imagem da empresa e demonstra falta de respeito e pouco compromisso com os trabalhadores e com as trabalhadoras que reivindicam um ACT digno.

Leia a aqui a nota na íntegra. 

Leia mais