Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário

Reunião de ACT com Embrapa continua com análise de cláusulas sociais

26 de maio de 2022

 

A quarta rodada de negociação coletiva entre SINPAF e Embrapa, para o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT 2022-23) aconteceu nesta quinta-feira (26) de forma virtual.

Durante a reunião, foram discutidas 11 cláusulas. O debate se manteve na análise das cláusulas sociais, não avançando, mais uma vez, nas questões econômicas do ACT.

A comissão do sindicato sugeriu que as cláusulas que não sofreram alterações, pudessem ser acordadas em bloco para poder acelerar as negociações. A comissão da empresa num primeiro momento aceitou a solicitação, mas depois de debater o assunto, voltou atrás.

O representante da Região Nordeste na CNN, Marco Aurélio Feitosa que participou da reunião, lamenta que a comissão da Embrapa tenha decidido seguir com a mesma metodologia, pois deixa o processo lento. Além de questionar o fato de a Embrapa não ter apresentado um índice econômico nas reuniões de ACT até o momento, gerando uma frustração para a categoria. “A impressão que tenho, é que a empresa irá procrastinar as negociações o quanto puder, para apresentar este índice.”

A comissão da empresa pediu para suspender a cláusula sobre assédio moral, na qual o SINPAF propôs uma série de melhorias, a fim de contemplar diversos casos, inclusive o assédio institucional e o sexual. Além de ressaltar o importante papel da Comissão Permanente de Prevenção e Combate ao Assédio Moral (CPPCAM).

Para a representante da Região Centro-Oeste na CNN, Mirane Costa, ainda há uma gestão autoritária na Embrapa, o que gera muitos casos de assédio, que mesmo com o arcabouço legal da empresa, a instituição não consegue evitá-los. “Se a Comissão de Ética funcionasse, e houvesse uma política da instituição que zelasse pelo bem-estar de seus empregados, não precisaríamos estar criando uma comissão de assédio”, afirma.

O ACT vigente do período de 1º de maio de 2020 a 30 de abril de 2022 ficou prorrogado até o dia 1º de julho. A próxima rodada da negociação ficou agendada para o dia 9 de junho, às 14 horas.

 

COMISSÃO

A Comissão Nacional de Negociação do SINPAF é formada por representantes eleitos por Seção Sindical do SINPAF, escolhidos entre os delegados das Plenárias Regionais. Fazem parte da CNN atualmente:

Região Nordeste: Marco Aurélio Feitosa, da Seção Sindical da Embrapa Algodão, como titular; e Arnaldo Rodrigues, da Seção Sindical Embrapa Aracaju, como suplente.

Região Centro-Oeste: Mirane Costa, da Seção Sindical Embrapa Sede (DF), como titular; e Silvia Mara Belloni, da Seção Sindical Dourados (MS), como suplente.

Região Sul: Júlio Bicca, da Seção Sindical Pelotas, como titular; e Odirlei Dalla Costa, da Seção Sindical Passo Fundo, como suplente.

Região Norte: Jasiel Nunes, da Seção Sindical Amazonas, como titular; e Rita de Cássia Pompeu de Souza, da Seção Sindical Roraima, como suplente.

Região Sudeste: Néio Lúcio Ramos Silva, da Seção Sindical Gado de Leite (MG), como titular; Adriana Santos do Nascimento, da Seção Sindical Agrobiologia (RJ), como suplente.

 

Clique aqui e leia a ATA da 4ª reunião.

Leia mais