Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário

Embrapa segue sem apresentar índice econômico na 10ª rodada do ACT

30 de agosto de 2022

Nesta segunda-feira (29) ocorreu a 10ª rodada da negociação do ACT Embrapa 2022-2023. A empresa seguiu sem apresentar um índice econômico para a categoria e alegou que ainda está tratando o assunto com a Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Públicas (Sest), do Ministério da Economia.

A Comissão Nacional de Negociação (CNN) do SINPAF deixou clara a indignação com a demora e alertou para a ansiedade dos trabalhadores e trabalhadoras, que estão esperando a resolução das questões financeiras. 

A cláusula sobre assédio moral foi uma das mais debatidas. A Embrapa se negou a incluir o assédio sexual, optando por manter o texto com a redação anterior, que trata o assédio apenas como moral.

Para a Comissão de Negociação do SINPAF essa deveria ser uma oportunidade de modernização e avanço do acordo coletivo, nessa temática. A CNN entende ainda que deveria haver um esforço da empresa para construir uma redação que evoluísse a questão.

O sindicato teve avanços em cláusulas sociais. A Embrapa fez a proposta de incluir os empregados que possuem estado civil como união estável, registrado em cartório, dentro da cláusula de justificação de faltas.

A próxima reunião está marcada para terça-feira (30) às 14h.

 

Mobilização da categoria

O SINPAF convocou todos os trabalhadores e trabalhadoras da Embrapa para participação de assembleias gerais, com a intenção de pressionar a empresa para que apresente um índice econômico justo e mantenha os direitos já conquistados. 

A mobilização deve ocorrer em todas as Seções Sindicais, entre os dias 30 e 31 de agosto. A iniciativa tem o objetivo de transformar a assembleia geral em permanente, ficando assim a categoria em alerta para a convocação posterior a qualquer tempo.

Acesse o edital de convocação. 

Veja ata da reunião do ACT aqui. 

 

 

 

Leia mais