Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário

DEFINIÇÃO DE PERFIL PARA COMPOR AS DIRETORIAS DA EMBRAPA E DA CODEVASF

2 de janeiro de 2023

A Diretoria Nacional do Sindicato Nacional dos Trabalhadores em Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário (SINPAF), resguardando sua autonomia e independência, não indicará nomes para a composição das diretorias da Embrapa e da Codevasf.

Contudo, ciente do compromisso que tem com a defesa das empresas públicas e da categoria que representa, a Diretoria Nacional decidiu traçar um perfil que os postulantes a presidente e diretores dessas empresas devem possuir como condição mínima para ocuparem tais cargos.

Dessa forma, a DN relaciona onze características e compromissos que um eventual dirigente, tanto da Embrapa, como da Codevasf, deve ter:

 – Ser funcionário do quadro próprio da empresa e comprometido com a agenda do novo Governo;

 – Resgatar o papel da empresa como uma empresa estatal e pública, de propriedade do povo brasileiro;

– Inserir a empresa nas ações emergenciais de políticas públicas para contribuir com um plano de combate à fome pela qual passam mais 33 milhões de brasileiros;

– Recompor o orçamento público da empresa, fazendo com que as emendas parlamentares estejam relacionadas com a missão da empresa e tenham papel secundário nessa recomposição;

– Promover maior transparência e fim do aparelhamento político da empresa;

– Ampliar o Conselho de Administração da empresa para que os trabalhadores e os diferentes segmentos da sociedade estejam representados de forma mais efetiva;

– Realizar, no curto prazo, concurso público para todos os níveis da empresa e fazer revisão do plano de cargos e salários.

– Deter um nível de conhecimento técnico, científico e político das ações das empresas que propiciem levar a cabo a efetiva missão das mesmas.

– Promover um processo de consulta interna ampla com os funcionários, entidades, órgãos e as comunidades a que se destinam suas ações.

– Na Embrapa, ter o compromisso de não só de trabalhar com a agricultura tradicional, mas com a agroecologia, com a agricultura familiar, com os quilombolas, com os povos originários e com os assentamentos da reforma agrária.

 – Na Codevasf, ter o compromisso de restabelecer sua atuação indutora do desenvolvimento regional sustentável, promotora da irrigação e da revitalização das bacias hidrográficas.

A Diretoria Nacional do Sinpaf entende que esses pontos elencados estão de acordo e são fundamentais para a construção de uma Embrapa e de uma Codevasf como empresas Públicas, Democráticas e Inclusivas.

DIRETORIA NACIONAL DO SINPAF

Leia mais