Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário

Campanha do SINPAF em defesa da Embrapa avança no Congresso

19 de julho de 2022

A campanha em defesa da Embrapa Pública Democrática e Inclusiva ganhou mais um apoio significativo, o do deputado federal Patrus Ananias (PT-MG).

Presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Soberania Nacional, o deputado compartilhou com os dirigentes do SINPAF, em reunião realizada dia 13/07, a sua preocupação com o desmonte da Embrapa, ao mesmo tempo em que se colocou à disposição para ajudar trabalhadores e trabalhadoras da empresa a conter as iniciativas privatistas em curso.

A secretária-geral do Sindicato, Dione Melo, e a assessora jurídica da Seção Sindical Embrapa Sede, Larissa Rodrigues, reforçaram a necessidade de uma atuação coordenada para o enfretamento do processo de desmonte. A secretária falou sobre as ações já realizadas e os próximos passos estratégicos. Por sua vez, Larissa detalhou as etapas subsequentes na seara jurídica, reforçando a tese que a empresa está se afastando de sua missão voltada à soberania alimentar do país.

Ao falar em soberania, Patrus Ananias falou sobre o carinho especial que tem por duas empresas públicas, a Embrapa e a Eletrobras, enfatizando que elas são essenciais para as políticas públicas voltadas ao bem-estar do povo. A primeira, por reunir condições para atuar em prol do equacionamento da fome no país e, a segunda, por ter a capacidade de levar eletricidade e todas as conquistas a ela vinculadas a muitos rincões do Brasil. “A defesa das empresas públicas é necessidade inquestionável para um país que se pretende soberano, mas é essencial a permanência da Embrapa e da Eletrobras como empresas públicas, pois as áreas de atuação de ambas são estratégicas; elas não podem ser transformadas em negócio”, ressaltou o parlamentar.

Antônio Guedes, diretor administrativo e financeiro do SINPAF, reforçou a importância da atuação da Embrapa na geração de pesquisas voltadas à alimentação do povo, “especialmente nesse momento em que o Brasil, infelizmente, voltou a fazer parte do mapa da fome, ultrapassando a marca de mais de trinta milhões de pessoas nessa situação”, alertou o dirigente.

Mirane Costa e Amauri Buso, dirigentes sindicais da Seção Sindical Embrapa Sede, atualizaram o parlamentar sobre o que está acontecendo na empresa. Eles fizeram uma abordagem sobre a proposta de reestruturação contida no projeto Transforma Embrapa, como ele está sendo conduzido e a angústia generalizada das trabalhadoras e trabalhadores em face das muitas incertezas e pouca transparência desse processo.

Patrus Ananias disse então que estava há muito tempo esperando que pessoas da Embrapa o procurassem para dar mais detalhes sobre o que está acontecendo na empresa. “A Embrapa está há muito tempo presente na minha vida. Sou de Bocaiúva (MG) e cresci ouvindo que minha região, tipicamente área de cerrados, era improdutiva. Reconheço os problemas ambientais da exploração desordenada dos Cerrados, porém vejo que a atuação da Embrapa foi fundamental para desmistificar a narrativa de região inviável do ponto de vista produtivo”, declarou de forma assertiva o deputado.

“Por tudo isso que ouvi hoje, podem contar com o apoio do meu mandato e de todos os parlamentares que eu puder sensibilizar para tentar segurar essa mudança que estão impondo na Embrapa”, concluiu o deputado.

A secretária-geral agradeceu ao deputado e finalizou destacando o papel importante dos presidentes das Seções Sindicais do SINPAF contra a reestruturação intempestiva e amadora em curso na Embrapa. “Estamos aqui hoje por uma iniciativa do presidente da Seção Sindical Gado de Leite, Neio Lucio, que fez a articulação inicial para esse encontro acontecer. Essa é a tônica da Diretoria Nacional do SINPAF, fazer acontecer todas as parcerias possíveis para defender a nossa empresa, patrimônio do povo brasileiro, pois a manutenção da Embrapa como instituição Pública, Democrática e Inclusiva é a luta presente de todo o SINPAF”.

Leia mais