Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário

Ato dos trabalhadores cobra SUS 100 por cento público e afirma que saúde não é mercadoria

16 de março de 2016

Sindicatos e movimentos sociais de vários estados e do Distrito Federal foram às ruas para defender uma saúde 100 por cento pública e de qualidade para toda a população e a valorização do Sistema Único de Saúde (SUS). A mobilização fez alusão ao Dia Mundial da Saúde, comemorado tradicionalmente no dia 7 de abril.

Usuários e trabalhadores (as) criticaram as deficiências no atendimento nos hospitais, a demora na realização dos exames, a falta de medicamentos e a falta de valorização salarial dos profissionais da área em todo o Brasil.

Dirigentes sindicais e militantes se posicionaram contra o modelo privatista que tem interesse em se apropriar dos equipamentos públicos e transformar em produto lucrativo os direitos conquistados pela classe trabalhadora. O principal problema é a privatização por meio das Organizações Sociais de Saúde (OSS).

Imagem: internet

Leia mais